quarta-feira, 27 de outubro de 2010

A Sunamita. 2º Rs.4.8-37






UMA MULHER A FRENTE DO SEU TEMPO.


Muito se fala hoje do papel da mulher, na sociedade, na família e no trabalho. Porém a sua primeira atribuição dada por Deus é “do lar”. Sabe por que muitas mulheres não conseguem desenvolver e conciliar seus papeis sociais, o de ser esposa, e o der ser mãe, e até o de ser uma profissional? Porque não o buscam em Deus! Você é a responsável pela harmonia “felicidade” em sua casa, e pela paz com a vizinhança. Você possui habilidades (discernimento no campo das emoções) que são fundamentais para sua família, sociedade e igreja, além saber conciliar como ninguém as responsabilidades domésticas e com seu trabalho. Em outras palavras, Deus está nos dizendo que a mulher precisa desenvolver qualidades, das quais, depende o bom sucesso do seu lar. Não haverá um lar doce e feliz sem uma mulher sábia (Pv.14.1). Para confirmar o que estamos dizendo estudaremos a vida da sunamita, mulher esta que possui características fundamentais à mulher cristã aprovada por Deus.

a) UMA DISPOSIÇÃO PARA SERVIR
Sendo uma mulher rica, esta serva do Senhor dispunha-se a hospedar o profeta Eliseu em sua casa, gentilmente. Bondade, benevolência e hospitalidade são qualidades inerentes às servas de Cristo. Seu desejo de servir era tão acentuado que chegou a prover um quarto exclusivo ao profeta (v. 10). Assim nos acostumamos a ver as mulheres cristãs cooperando com o ministério do Senhor Jesus.

b) A SABEDORIA NO DISCERNIMENTO
Aquela mulher foi quem alertou seu marido. Ela teve olhos para notar que Eliseu não era uma pessoa comum; observando-o reconheceu a presença do Espírito de Deus sobre ele. Igualmente, a mulher cristã precisa ser sábia em observar e discernir a verdade e a vontade de Deus.


c) CONTENTAMENTO “Realizada”.
Eliseu queria recompensar a Sunamita, porém, esta nada quis lhe pedir! Embora nenhum filho tivesse, recusou perdir-lhe alguma coisa. Da mesma forma a Palavra nos aconselha a fugir da ambição: “Seja a vossa vida isenta de ganância, contentando-vos com o que tendes...” (Hebreus 13:5) A mulher sábia atrai as bênçãos do Senhor para seu lar! Deus não é injusto a ponto de se esquecer do vosso trabalho. Os lares mais felizes e abençoados são aqueles onde a mulher edifica um espírito de contentamento e gratidão, pois, mesmo as bênçãos não pedidas e inesperadas chegam como recompensa do temor ao Senhor.


d) CONFIANÇA EM DEUS A mulher sábia tem a confiança da sua família. Como é bom ter alguém com quem podemos contar sempre. Veja o desespero desse velho homem quando seu filho ficou doente. Que poderia ele fazer com as dores do seu filho? Mas ele tem uma auxiliadora, e sabe que pode contar com ela. Sua ordem ao servo expressa isso: !Leva-o a sua mãe. E ele o tomou e o levou a sua mãe; e esteve sobre os seus joelhos...". O filho precisa de um colo e o marido de um ombro. Você mulher de Deus és um amortecedor dos impactos. Sua família precisa de você.

e) NÃO ERA AGITADA. A mulher louca é alvoroçadora; é néscia e não sabe coisa alguma. (Pv 9:13).


A sunamita era jovem, provavelmente bonita, e, sendo casada com um homem bem mais velho, estava impossibilitada de ter filhos. Para uma mulher daquele tempo isso era um sinal muito triste. Ela poderia viver aborrecida. Ela está satisfeita. Para ela o simples fato de viver entre as pessoas que a amava e a respeita já era motivo de ser feliz. Seria bom se todos tivessem consciência de quando estão realmente bem. O coração contente não precisa de muito para sentir-se feliz e em paz. O comportamento de mulheres assim nos dias de angústia faz da casa um verdadeiro campo de guerra. Sua agitação e gritaria causa tamanha confusão no lar. Mas a mulher Sunamita é sábia, e seu comportamento no dia da adversidade mostra uma calma impressionante que é fruto da fé verdadeira. Nenhuma palavra louca saiu de seus lábios. Imediatamente ela pensou em Deus, e foi logo falar com aquele que o representava. Do marido pede apenas algumas providências materiais. De fato, quando a mulher tem seu coração confiado em Deus o lar goza calma. Sim, tudo o que Deus faz é bom!

f) CONFIE SEUS FILHOS SOMENTE A DEUS.

Enquanto a maioria das pessoas de seu tempo consultaria os ídolos (I Re 1:2) a Sunamita vai diretamente a Deus. É fato muitas são as mães que levam para sua casa a idolatria, e para o espiritismo. A Sunamita tem consciência de que somente Deus pode ajuda-la. Tinha total confiança na bondade de Deus, que estava pronta para crer que Ele restauraria o que havia agora retirado. Finalmente o filho amado foi restaurado vivo à sua mãe. Colocar um filho nas mãos de Deus e te-lo eternamente. Que o esforço maior de uma mãe seja o de por seus filhos nas mãos do Senhor.

Aplicação pessoal:
Devemos procurar agir como a sunamita: buscar paz e descanso em Deus, sabendo que Ele é Fiel para fazer muito mais do que pensamos. Aprender a identificar “discernir” as pessoas que Ele mesmo quer usar para abençoar nossas vidas e ter humildade para entender que precisamos do próximo. Desenvolver a FÉ, para conquistar milagres.

Coragem e persistência são atributos de Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.