segunda-feira, 2 de maio de 2011

Vendo Os Céus Abertos.


Jo.1.43-51No dia seguinte quis Jesus ir à Galiléia, e achou a Filipe, e disse-lhe: Segue-me. E Filipe era de Betsaida, cidade de André e de Pedro. Filipe achou Natanael, e disse-lhe: Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na lei, e os profetas: Jesus de Nazaré, filho de José. Disse-lhe Natanael: Pode vir alguma coisa boa de Nazaré? Disse-lhe Filipe: Vem, e vê. Jesus viu Natanael vir ter com ele, e disse dele: Eis aqui um verdadeiro israelita, em quem não há dolo. Disse-lhe Natanael: De onde me conheces tu? Jesus respondeu, e disse-lhe: Antes que Filipe te chamasse, te vi eu, estando tu debaixo da figueira. Natanael respondeu, e disse-lhe: Rabi, tu és o Filho de Deus; tu és o Rei de Israel. Jesus respondeu, e disse-lhe: Porque te disse: Vi-te debaixo da figueira, crês? Coisas maiores do que estas verás. E disse-lhe: Na verdade, na verdade vos digo que daqui em diante vereis o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem.

43 -No dia seguinte quis Jesus ir à Galiléia, e achou a Filipe, e disse-lhe: Segue-me.

Natanael: dom “presente” de Deus. Felipe achou Natanael: (só quem foi achado por Cristo tem o desejo de alcançar o perdido).

45- Filipe achou Natanael, e disse-lhe: Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na lei, e os profetas: Jesus de Nazaré, filho de José.

Aquele de quem Moisés escreveu na lei. (três aspectos da Lei)

I - A Lei Cerimonial: diz respeito especificamente à adoração por parte de Israel (Levítico 1:2-3) ... De acordo com o livro de Hebreus, as leis cerimoniais eram sombras de Cristo. A sombra foi substituída pela realidade de Cristo e Seu ato redentor.
AS LEIS CERIMONIAIS FORAM CUMPRIDAS; POR TANTO A IGREJA NÃO OBSERVA AS FESTAS E AS LEIS SACRIFICIAIS.

II - A Lei Civil: se aplicava à vida cotidiana em Israel (Deuteronômio 24:10-11)

III - A Lei Moral: (como os Dez Mandamentos) é a ordem direta de Deus, exige uma obediência total (Êxodo 20:13), pois revela sua natureza e vontade. Assim, ainda é aplicável em nossos dias. O seu ensino expande o entendimento tanto do amor de Deus como amor pelo próximo.
OS QUATRO PRIMEIROS MANDAMENTOS CONTÊM OS NOSSOS DEVERES PARA COM DEUS E OS OUTROS SEIS OS NOSSOS DEVERES PARA COM O HOMEM.

A questão do sábado sua observância como dia de repouso é uma questão moral, nosso repouso está na obra consumada de Cristo no calvário.

46-Disse-lhe Natanael: Pode vir alguma coisa boa de Nazaré? Disse-lhe Filipe: Vem, e vê.

Profeta de Casa Mc. 6.4 E Jesus lhes dizia: Não há profeta sem honra senão na sua pátria, entre os seus parentes, e na sua casa. Jó.42.5 eu te conhecia de ouvir falar, mais agora meus olhos te vê.

47-Jesus viu Natanael vir ter com ele, e disse dele: Eis aqui um verdadeiro israelita, em quem não há dolo.
Mt.5.8 “Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus.”
Jo.14.9 “Quem me vê, vê o Pai.” Para vermos a Deus temos que ter um “coração puro”, ou seja, um coração que só quer fazer a vontade de Deus.
DEUS CONHECE SUA REAL MOTIVAÇÃO.

48-Disse-lhe Natanael: De onde me conheces tu? Jesus respondeu, e disse-lhe: Antes que Filipe te chamasse, te vi eu, estando tu debaixo da figueira. Sl.139.118

49-Natanael respondeu, e disse-lhe: Rabi, tu és o Filho de Deus; tu és o Rei de Israel.

50-Jesus respondeu, e disse-lhe: Porque te disse: Vi-te debaixo da figueira, crês? Coisas maiores do que estas verás. Quem segue a Jesus vê os céus abertos. O céu tá de bronze? Dt.28.23; Parece que Deus não te ouve? Is.59.1-2.

51-E disse-lhe: Na verdade, na verdade vos digo que daqui em diante vereis o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem.
Gn.28.
Jacó sonhou...
Jesus realizou!

JESUS É O ELO VIVO ENTRE O HOMEM E DEUS! ELE É A ESCADA QUE NOS LEVA AO CÉUS.

Betel: “Casa de Deus”. Alguém já disse com propriedade que a solidão e a sala de audiência com Deus. A solidão nos leva, a saber, de fato o que há em nossos corações.
Em Betel, Jacó levantou um altar, derramou azeite e votou um voto.
Deus vai ao lugar em que estamos e nos leva para onde Ele quer que estejamos.

Conclusão:
Deus conhece a nossa real motivação, e mediante a isto, temos a promessas de que o sobrenatural é possível. Pois, sobre os que creem os céus serão abertos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.